sexta-feira, 2 de novembro de 2007

Ótima oportunidade para abandonar o leite de vez

A população em geral tem ficado alarmada com as denúncias divulgadas pela mídia sobre leite contaminado de fábricas de Minas Gerais, Goiás e Rio Grande do Sul. Seria um "alimento básico", como escreve Maria Inês Dolci, coordenadora institucional da Pro Teste (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor) e colunista da Folha. Pois bem, até pode ser um "alimento básico", mas apenas por costume, cultura.

Esta parece uma ótima oportunidade para abandonar o consumo de leite de uma vez. Afinal, o ser humano é o único animal que continua bebendo leite após a época de bebê. E mesmo quando bebê, não bebe leite materno, como recomendado por tantos especialistas.

Aliás, como são ricos em proteína animal, são grandes responsáveis por todas as alergias: bronquite asmática, asma, rinite, urticária, alergias da pele, além de distúrbio do aparelho digestivo: náuseas, vômitos, diarréia, gastrite, dores abdominais, cólicas; provocam, também, inflamações e infecções de repetição: gripes, amigdalites, bronquites catarrais, inflamações nos ouvidos; dores de cabeça, enxaqueca, dores articulares, etc. Rico em gordura, engordam, elevam o colesterol e dão complicações circulatórias. O cálcio que contém não é bem aproveitado pelo organismo e vai se depositar nas articulações, provocando as doenças articulares, e nos vasos sangüíneos, dando arteriosclerose. Forma cálculos (pedras) nos rins e vesícula. Saiba mais em http://www.stetnet.com.br/vidasaude/pag7.htm

---------Cálcio

Não se preocupe com o cálcio, famoso nutriente do leite. Veja os níveis de absorção de alguns alimentos:

Vegetais verdes-escuros (brócoli, couve-de-Bruxelas, repolho verde e couve-chinesa, couve, couve-nabiça, etc.): 50-70%
Leite: 32%
Amêndoas: 21%
Feijões: 17%
Espinafre cozido: 5%

Fonte: ( http://www.vegetarianismo.com.br/sitio/index.php?option=com_content&task=view&id=1306&Itemid=136 )

-------Proteína

Quanto à proteína, o médico Eric Slywitch informa que "alguns grupos alimentares, como cereais (arroz) e leguminosas (feijões) apresentam o que chamamos de aminoácido limitante. É um aminoácido em quantidade um pouco menor do que os outros. No entanto, existem todos os aminoácidos essenciais em cada um desses grupos." Ler mais em http://www.svb.org.br/folhetos/Proteinasevegetarianismo.htm .

---Sofrimento dos bebês

Isso no que toca aos humanos; no que toca aos animais, lembrar que o subproduto do leite são os bezerros; afinal, para uma vaca ter leite, é preciso que ela tenha filhos, assim como ocorre para uma ama-de-leite. E o que será feito desses bezerros, que são bebês de vacas ou bois? A maior crueldade com os animais, que é a produção de vitela, uma carne macia, devido à flacidez da carne do bezerro, vendida então em restaurantes de elite. Saiba mais em http://blog.kanno.com.br/search?q=vitela . Ou então estes bebês são simplesmente "descartados".

Confira o artigo artigo de Maria Inês Dolci, que inspirou este artigo.

Maurício Kanno
Jornalista


Imagem de fábrica de leite tirada pelo usuário "fotomy", do banco de imagens SXU.

3 comentários:

Iberê disse...

Complicado, Xê...

Principalmente porque dados alimentares sempre se chocam uns com os outros. Há especialistas que dizem coisas opostas, descobertas que contrariam outras.

O argumento de que o ser humano é o único mamífero que continua mamando não serve para os dias atuais. Também somos os únicos que vivem três vezes mais do que deveríamos, os únicos totalmente sedentários, os únicos que fazem sexo sem ter filhos, e por aí vai. Contrariamos a natureza o tempo todo, e é difícil saber o que é bom e o que é ruim nessa nossa rebeldia.

Mao disse...

ahahah, com certeza, caro amigo... especialistas de fato dizem coisas diferentes... tem vezes que isso acaba até nos deixando meio céticos em relação à ciência, não?

em relação a contrariarmos a natureza o tempo todo, realmente é complicado dizer para qual caminho ir... mas eu voto por pensar eticamente.

quando eu conseguir parar de comer e beber latícinios (pois leite em si dificilmente bebo faz tempo), será não por questões de dados científicos, mas para evitar os "descartes" de bezerrinhos, e/ou sua produção como vitela.

assim como não sou vegetariano por esperar com isso melhorar minha saúde, apesar de dados nutricionais dizendo que esta atitude melhora a saúde...

Mao disse...

de td modo, acho q alguns dados têm sido desconsiderados, apesar dos benefícios divulgados (repare que nos dados que divulguei neste post, o leite ainda é a segunda melhor fonte de cálcio).

enfim, cada dado deve ser considerado, com seus devidos detalhes e analisado se tem procedência.