quinta-feira, 1 de fevereiro de 2007

Desculpe-me, BrOffice!!! Viva BrOffice!

Três blogadas atrás, eu fiz um desabafo mal-humorado a respeito do BrOffice... Pois é, quero me desculpar. Enviei um e-mail para a equipe que desenvolve esse software livre, e eles me responderam o seguinte (para ser mais exato, Caio Tiago de Oliveira me respondeu):

"Quando copia de um site ele usa apenas a referência para a imagem e a carrega, ao invés de inserir no documento. Eu posso fechar o documento e abri-lo novamente, a referência continua
lá e a imagem é carregada."

Certo. Quer dizer que, para ele, deu certo. A imagem não sumiu quando ele, após copiar de um site, abriu o arquivo de texto novamente no editor de texto. Então, por que sumiu para mim e perdi todo o meu trabalho?

Bem, antes de chegar à resposta, vale uma nota: Caio Tiago informou que quando copiamos de um site, o editor de texto apenas copia a referência para a imagem. Ou seja (uma hipótese), o editor de texto vai procurar a imagem no endereço http://www.xxxxx.com.XX. Ou seja, não é lá muito seguro mesmo ficar copiando imagens desta forma para o editor de texto, se você realmente quer tomar posse das imagens. Só será um referência, que será exibida como imagem. Foi isso o que entendi, pelo menos.

De todo modo, segue a minha conclusão da história (resposta ao Caio Tiago):

"Refiz extensivamente meus testes, e verifiquei o seguinte: o procedimento de carregar a imagem continua quando abrimos o arquivo para formato .odt e .doc, mas não para rtf (tanto reabrindo a imagem em BrOffice-Writer como MSOffice-Word; claro, exceto para .odt, já que Word não abre .odt mesmo).

Esse foi o problema no meu caso, sempre me disseram que .rtf era um formato "melhor" e "mais confiável" e então fiquei com o costume de utilizar .rtf. Solução: não utilizar mais formato .rtf se eu estiver trabalhando com BrOffice e imagens. Não sei se vale a pena pra vocês se esforçar por corrigir esse bug, já que .rtf é um formato proprietário mesmo, mas .doc também é, não é mesmo?

Mas tem mais um fator: a imagem some somente se você copia a imagem (junto com texto ou não) no site, selecionando-a e depois clicando em Ctrl + C e depois Ctrl + V no editor de texto. Se você copiar a imagem clicando com o botão direito do mouse e escolhendo a opção "copiar imagem", a imagem é copiada normalmente.

Obs.: Meus testes foram feitos copiando uma imagem de uma notícia do site do UOL.

Espero que tenha ajudado.

Abraço,
Maurício Kanno"

De todo modo, outra conclusão importante é a seguinte: depois de poucos dias o cara da equipe do BrOffice me respondeu, e eles estão sempre prontos a colaborar e desenvolver o software, atendendo às demandas. Será que isso também acontece com o Microsoft Office? Acho que não.

2 comentários:

Fabio disse...

E aê Mao blz, aqui é o Fábio, monitor do POF, cara adorei essas blogadas sobre o BrOffice, tive vários problemas com isso tb, perdi muita coisa, por isso hoje por segurança, salvo antes as imagens e insiro como imagem do arquivo, dá mais trabalho, mas é seguro.

té mais !!
Fábio

Anônimo disse...

hmmm...
não sei se você sabe...mas o formato rtf não suporta figuras, não é pau do broffice. Ele também não suporta tabelas, ok?